sábado, 4 de setembro de 2010

Aprendi, ou melhor, comecei a acreditar que as datas não importam.

Mania de guardar coisas, ser organizada, ter tudo detalhado... Ponto por ponto.
Sempre quis ser assim. Não consigo me enquadrar.

Sinto-me como um ser estranho ao redor dos que praticam essa arte de forma tão magnífica. Lindo.


Foda-se.

Nenhum comentário: