quinta-feira, 4 de março de 2010

eu, hein...

e se eu tiver que morrer, pelo menos, dessa vez, seja sozinha.

Nenhum comentário: