quarta-feira, 17 de março de 2010

...

Escrevo, triste, no meu quarto quieto. Como sempre tenho sido, sozinho como sempre serei.

Nenhum comentário: