domingo, 23 de agosto de 2009

das sensações


Tenho plena convicção de que nunca me senti tão cansada.
são tantas sensações,
tantos devaneios...

Parece que só enchem mais o que já está transbordando há tempos,

e embora a lógica fosse explodir, não explode.

Não interessa o quão desejado isso seja.
...
E quem se importa? Eu não.

Nenhum comentário: