segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Ela não sabe o que falar...

Ela não sabe o que fazer...

Ela não sabe como deve agir...

Mas o que isso tem de novidade?

Ela só queria que a respiração e a voz entalada na garganta voltassem... Ela só quer sobreviver!

Nenhum comentário: